COBERTURA ESPECIAL - Especial Espaço - Tecnologia

15 de Abril, 2020 - 09:00 ( Brasília )

Omnispace escolhe Thales Alenia Space para desenvolver infraestrutura de satélite em conformidade com sua visão de rede híbrida global


A Omnispace, a empresa que está reinventando as comunicações móveis ao construir uma rede híbrida global, anunciou hoje que escolheu a Thales Alenia Space, uma joint venture entre a Thales (67%) e a Leonardo (33%), para desenvolver o componente inicial de sua infraestrutura de Internet das Coisas (IoT) usando satélites.

Esse fato promoverá a visão da Omnispace de fornecimento de uma rede global de comunicações híbridas baseada nos padrões da 3GPP. A Thales Alenia Space irá projetar e construir um conjunto inicial de dois satélites para operação em órbita não geoestacionária (NGSO).

Esses satélites iniciais oferecerão suporte à interface de rádio da Internet das Coisas de banda estreita definida pela 3GPP (as especificações de telecomunicações da 3rd Generation Partnership Project que reúnem as organizações de desenvolvimento padrão) e servirão para avançar no desenvolvimento e implementação da rede híbrida global da Omnispace.

Esse anúncio representa um marco importante quando a Omnispace inicia o desenvolvimento de sua constelação de satélites NGSO da nova geração, que operará em banda S.

"A Thales Alenia Space tem um histórico de sucesso no desenvolvimento de constelações de satélites para operação em órbita não geoestacionária e está bem qualificada para apoiar nosso objetivo de fornecer a primeira rede não terrestre (NTN) global 5G,", disse Ram Viswanathan, Presidente e Diretor-Presidente (CEO) da Omnispace LLC.

"Esse investimento em nossa infraestrutura de satélites da próxima geração nos permite avançar no desenvolvimento de nossa tecnologia e demonstrar nossas capacidades extraordinárias, ao mesmo tempo em que continuamos a trabalhar no sentido de lançar nossa visão mais ampla de uma rede híbrida global".

"A Thales Alenia Space tem a satisfação de trabalhar com a Omnispace, que está adotando uma abordagem holística quanto ao design, desenvolvimento e implantação de sua infraestrutura de rede de satélite baseada na IoT da próxima geração", disse Hervé Derrey, Diretor-Presidente da Thales Alenia Space.

"A escolha da Thales Alenia Space pela Omnispace reforça nossa posição de liderança como uma grande parceira industrial e nossa experiência em comunicações da IoT no espaço. Esperamos colaborar com a Omnispace na entrega deste projeto inovador."

O desenvolvimento deste conjunto inicial de satélites começará imediatamente e seu lançamento está previsto para 2021.

A Omnispace e a Thales Alenia Space, juntamente com outras partes interessadas do setor, contribuirão para o desenvolvimento do padrão amigável NTN 3GPP para implementação global.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Nota Covid DN

Nota Covid DN

Última atualização 13 JUL, 15:30

MAIS LIDAS

Especial Espaço