COBERTURA ESPECIAL - TOA - Terrestre

01 de Setembro, 2017 - 10:25 ( Brasília )

Preparação para inédito Exercício Logístico Humanitário simulou problemas e ações militares com tropas.


Entre os dias 28 de agosto e 1° de setembro, em Manaus, no estado do Amazonas, ocorreu uma das fases prévias do Exercício Logístico Humanitário Multinacional Interagências, o AMAZONLOG17.

Conduzido pelo Chefe do Estado-Maior Combinado, General de Brigada Antonio Manoel de Barros, o Exercício de Mesa do AMAZONLOG17 teve a participação de militares das Forças Armadas de cinco nações amigas e representantes de diversas agências governamentais.

O Exercício Multinacional acontecerá de 6 a 13 de novembro, em Tabatinga (AM), na região da tríplice fronteira entre Brasil, Colômbia e Peru.

Durante o Exercício de Mesa, realizado nas instalações do Comando Militar da Amazônia, ocorreram diversas reuniões de coordenação entre os participantes, bem como simulação de problemas militares e de ações com tropas e meios, nos moldes dos eventos que ocorrerão ao longo do exercício no terreno. As soluções propostas foram formuladas pelo Estado-Maior Combinado, que é composto por militares brasileiros da três Forças Armadas, militares estrangeiros e representantes das agências.

Baseado na legislação em vigor e nos acordos de cooperação internacional, o planejamento foi incrementado e ajustado com vistas ao Exercício, que terá a participação das Forças Armadas de 16 países, que enviarão observadores; além de Brasil, Colômbia e Perú, que terão a participação de tropas e meios logísticos; e dos Estados Unidos da América, que enviará observadores e disponibilizará meios logísticos – uma aeronave de transporte C130, uma cozinha móvel, uma estação de purificação de água e uma equipe de saúde.

O Exercício também terá a participação efetiva do Departamento de Imigração e Assuntos Jurídicos do Ministério das Relações Exteriores (MRE); da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA); do Departamento de Polícia Federal; da Fundação Nacional do Índio (FUNAI); da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA); do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA); da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (INFRAERO); do Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade (ICMBio); da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil; da Secretaria de Proteção e Defesa Civil do Estado do Amazonas; da Secretaria da Receita Federal; da Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (VIGIAGRO) e dos órgãos de segurança pública locais, além de agências homólogas colombianas e peruanas.

O próximo evento do AMAZONLOG17 será o Simpósio de Logística Humanitária, que ocorrerá entre os dias 26 e 28 de setembro, também em Manaus. Na ocasião, além de apresentações por parte de especialistas no tema, ocorrerá simultaneamente uma Exposição de Material, na qual empresas apresentarão produtos e soluções voltadas para ações humanitárias, com vistas à preservação da vida humana e do meio ambiente, de modo sustentável.

Posteriormente, já em Tabatinga, haverá a ativação da Base Logística Multinacional Integrada, que contará, de 6 a 13 de novembro, com um efetivo aproximado de 1.200 integrantes, dos quais cerca de 900 serão militares e civis brasileiros.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Especial Espaço

Especial Espaço

Última atualização 24 NOV, 15:00

MAIS LIDAS

TOA