09 de Janeiro, 2015 - 16:30 ( Brasília )

SOF

GIGN - A SOF Francesa

O GIGN é uma unida de Forças Especiais única no mundo.





Criado em Março de 1974, o 'Groupe d'Intervention de la Gendarmerie Nationale', conhecido internacionalmente pela sigla GIGN, soma uma longa lista de ações, tanto na França, como no exterior.Inclui as libertações de reféns no Djibouti (1976), Ouvéa (1988) e Marignane (1994).

O GIGN realizou mais de mil intervenções desde a sua criação, liberando centenas de reféns e realizando mais de 800 prisões. Nessas ações, 7 gendarmes morreram em treinamento ou em ações realizadas.

Atualmente está localizado no subúrbio de Satory, região metropolitana de Paris, e pode ser mobilizado para qualquer local do território francês ou exterior, em  30 minutos, para um destacamento, e 2 horas  para um segundo destacamento ou a totalidade dos efetivos operacionais do GIGN.

No início o GIGN era composto por 15 gendarmes, e hoje é integrado por  4 equipes, com um total de 113 homens, sendo  11 oficiais.

Os homens do GIGN tem a sua disposição cerca de  60% das munições alocadas aos 100.000 gendarmes franceses, embora raramente as equipes do GIGN empreguem suas armas, em 2003 uma única bala foi disparada .

Esta unidade de elite evoluiu de ação de forças especiais e de risco, para gestão de ações de risco e outras como os pedidos de resgate.

As ações de proteção, técnicas de observação, negociação e intervenção sempre fez que o armamento do grupo evoluí-se inclusive para enfrentar as ameaças terroristas e criminais.

O GIGN  é uma referência internacional e foi escolhido pela 'organisation civile internationale (OACI - ICAO), para instruir as forças policiais dos 188 países membros.

No âmbito internacional o GIGN colabora com outros grupos europeus: GSG-9 (Alemanha),  GIS (Itália), SAS (Inglaterra) ou os americanos (unidades especializadas do FBI, CIA, SEAL da US Navy e unidades SWAT da polícia).

O GIGN francês, assim como o GSG-9 alemão é operado pela força para-militar (Gendarmeria), e não pelos militares. Mas a similaridades entre os grupos termina aí, o GIGN é diferente de qualquer unidade antiterrorista, primeiramente por causa de seu tamanho reduzido.

Outra característica é de que este é o único grupo antiterrorista que possui a ordem de não atirar para matar. O GIGN se vangloria pela precisão com armas de seus integrantes, eles são treinados para atirar para ferir e não para matar e por isso a maioria das suas missões termina com terroristas e os reféns vivos.

O GIGN tem experiência única no mundo em atuar em estruras tubulares. Assim como metrôs, túneis e especialmente aeronaves.

 

O jornal Le Figaro apresentou em Dezembro de 2014 uma tabela das realizações do GIGN ao longo dos 40 anos de existência

Operações 1830
Capturas 1600
Reféns libertados 600
Membros mortos em ação 2


O clássico foi a retomada do Air France Flight 8969 . Em 24 de Dezembro o Airbus A300 da Air France foi sequestrado por um grupo do Armed Islamic Group (GIA), no Aeroporto Houari Boumedienne Airport, Argelia, onde mataram três passageiros. A intenção era de jogar a aeronave contra a Torre Eiffel, em Paris. Quando a aeronave pousou em Marselha, o grupo de intevenção do GIGN, irrompeu no avião e matou os quatro terroristas.

Para a uma descrição detalhada da operação acesse: Sequestro Aéreo ! O GIGN francês em ação Link





Thriller do filme  L´Assault, que detalha a tomada da aeronave da Air France em Marselha, em 1994.