COBERTURA ESPECIAL - Pandemic War - Aviação

24 de Abril, 2020 - 12:00 ( Brasília )

Organizações da FAB recebem aeronaves civis em pátios operacionais

Ação faz parte das medidas adotadas pelo Governo Federal no combate ao novo Coronavírus

Tenente Jonathan Jayme E Major Monteiro

Em consonância com a Medida Provisória nº 945, de 4 de abril de 2020, que dispõe sobre medidas temporárias em resposta à pandemia decorrente da COVID-19, a Ala 1 – Base Aérea de Brasília recebeu, nesta sexta-feira (17/04), oito aeronaves das empresas aéreas Latam e Gol.

Na segunda-feira (20/04), outras duas também foram recebidas. As aeronaves dos modelos A-319, A-320 e Boeing 737-800 ficarão estacionadas no pátio operacional da Organização Militar por tempo indeterminado, até que as atividades do setor aeroportuário voltem a normalidade.

A ação visa garantir a preservação das atividades portuárias consideradas essenciais pelo Governo Federal e prevê a cessão de uso especial de pátios sob administração militar, a título gratuito, às pessoas jurídicas prestadoras de serviço de transporte aéreo público, nacionais, a título precário, durante o período do estado de calamidade pública decorrente da pandemia da COVID-19. 

O Comandante da Ala 1, Brigadeiro do Ar José Ricardo de Meneses Rocha, ressaltou a importância da cooperação mútua entre os setores da aviação civil e militar no combate ao novo Coronavírus e destacou a segurança como ponto central da ação. “A Ala 1 estará à disposição da nação brasileira durante a pandemia, assim como sempre esteve desde a criação da Base Aérea de Brasília, há 56 anos. Nosso compromisso é com a segurança e com o cumprimento de nossa missão”, disse.

A cessão comportará apenas o uso de células de espaço físico a serem determinadas pelo Comando da Aeronáutica. A cessionária ficará sujeita às condições estabelecidas para acesso às áreas cedidas, em função da segurança das instalações militares.

Base Aérea de Salvador

A Base Aérea de Salvador (BASV) recebeu, na quinta-feira (16/04) quatro aeronaves da empresa Gol, modelo Boeing 737-800, dentro do contexto do combate à COVID-19. A BASV disponibilizou oito vagas para aeronaves de grande porte no seu Pátio Operacional.

O Chefe da Divisão de Apoio Operacional, Major Especialista em Comunicações Aldivan Dantas Pereira Pinto, disse que a  cooperação contribui para a manutenção das atividades portuárias e para a integridade das aeronaves das operadoras de aviação. "Todo o pessoal da nossa área operacional está envolvido na atividade, e um briefing foi ministrado para as equipes de operações e manutenção da Gol, com o objetivo de reforçar as orientações referentes aos procedimentos previstos na ação”, concluiu.

Ala 11

O pátio operacional da Ala 11 – Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro (RJ), também recebeu, no dia 9 de abril, 12 aeronaves da empresa Latam, dos modelos A319, A320 e A321. Outras cinco aeronaves da Gol também estão estacionadas  no pátio. O Comandante da Ala 11, Brigadeiro do Ar Fernando César da Costa e Silva Braga, informou que as equipes de operadores e de manutenção da LATAM foram devidamente orientadas sobre os procedimentos e regras estabelecidas para uso do pátio.

Fotos: Major Fontes / Ala 1; Tenente Blumer / Ala 11; Sargento Gustavo / BASV


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Embraer

Embraer

Última atualização 30 MAI, 20:00

MAIS LIDAS

Pandemic War