COBERTURA ESPECIAL - Pandemic War - Tecnologia

31 de Março, 2020 - 10:00 ( Brasília )

Descontaminação de ambientes e superfícies com Luz Ultravioleta

Medida Eficaz de Combate ao COVID-19

Fenix, FlightConsultoria Aeronáutica e SierraMike unem esforços para eliminar o COVID-19de aeródromos, aeronaves e ambientes. A rápida disseminação da doença que afeta os sistemas de saúde de todo o mundo motivou a união de 3 empresas nessa parceria para colaborarmos com o controle do novo corona vírus.

Descontaminação de Superfícies

Gotículas de saliva, espirros, acessos de tosse, contato próximo e superfícies contaminadas… São essas as principais vias de transmissão do Novo Corona Vírus, causador da Covid-19. O vírus sobrevive por algumas horas em suspensão no ar ou até dias em certas superfícies - ele resiste até três dias sobre estruturas e objetos de plástico ou aço inoxidável.

A pergunta é:  como limpar adequadamente os ambientes, de forma a eliminar de maneira rápida os vírus que estiverem nesses locais?

Aplicações de Luz Ultravioleta



O que é a luz ultravioleta? É um método rápido, seguro e eficaz para realizar a limpeza de ambientes, em especial aeronaves particulares, helicópteros e aeronaves comerciais. Inativa até 99,9% dos vírus, bactérias e fungos dos ambientes.

Como ela age?

A luz ultravioleta no comprimento de onda de 254 nanômetros é uma luz germicida, que interage diretamente com o material genético dos micro-organismos, fazendo sua inativação completa, interrompendo o ciclo de contágio.

A aplicação da luz desinfeta ar, água e superfícies. Em 90 segundos, o ambiente estará higienizado: sem vírus, bactérias ou fungos.

Exemplos de Aplicações

Desinfetar aeronaves, catracas, hospitais (chãos e paredes), escritórios (estações de trabalho e equipamentos eletrônicos), entre outros.

Diante da pandemia deCOVID-19, que já provocou mais de 3.100 mortes na China, a Descontaminação com Luz Ultravioleta foi uma das políticas adotadas e bem-sucedidas na região.

"Desde o início da epidemia buscávamos um meio de desinfecção mais eficaz, em termos de mão de obra e custo". QinJin, vice-diretor geral da Yanggao (empresa de transporte público de Xangai).

"Os raios UV são muito utilizados nos hospitais para desinfetar os quartos dos pacientes após sua saída. Isto permite matar os patógenos resistentes aos antimicrobianos, a tuberculos e e outros agentes infecciosos". PaulTambyah, especialista em doenças infecciosas da Universidade Nacionalde Singapura.


 

Higienização Comum x Higienização com Luz Ultravioleta

Higienização Comum:
- Descontamina todos ostipos de superfícies;
- Depende de Materiais de Consumo (como Álcool ou outros Desinfetantes em Geral - que tendem a se esgotar dos estoques/sofrer elevação de preço devido ao aumento no consumo);
- Pode não limpar adequadamente algum canto de difícil acesso do ambiente;
- Processo lento(limpeza manual tradicional).

Higienização com Luz Ultravioleta:
- Descontamina todos ostipos de superfícies;
- Depende somente de um Equipamento(não sendo impactada caso materiais de consumo se esgotem no mercado);
- Atinge todas as superfíciesdo ambiente;
- Processo rápido (90 segundos são suficientes para higienização).

Informações Técnicas: info@fenix.inf.br | +55 31 97532-6969

USP entrega a hospital rodos com radiação ultravioleta para descontaminação¹

Rodo UV-C / Assessoria de Comunicação do IFSC – Foto: Rui Sintra

Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da USP cedeu à Santa Casa da Misericórdia de São Carlos dois Rodos UV-C para a descontaminação dos pisos do hospital, equipamentos desenvolvidos no próprio Instituto e que têm a particularidade de descontaminar grandes superfícies.

O aparelho criado pelo Grupo de Óptica do IFSC emite radiação ultravioleta (UV) para a descontaminação dos pisos, evitando a propagação do vírus através dos sapatos. Vírus podem persistir durante muitas horas em diversas superfícies, como metais, vidros, plásticos, porcelanas, e madeiras.

A radiação ultravioleta é a fração do espectro eletromagnético que abrange os comprimentos de onda abaixo da luz visível. Essa fração é subdividida em três tipos: UV-A com comprimentos de onda variando de 320 a 400 nm; UV-B com comprimentos de onda variando de 280 a 320 nm; e UV-C com comprimentos de onda variando de 200 a 280 nm.

Cada tipo de radiação UV é responsável por causar algum dano biológico. A radiação UV-A provoca alterações na pele, causando o envelhecimento; a radiação UV-B, além de atuar no envelhecimento da pele, é a principal responsável por causar mutações genéticas que levam ao desenvolvimento de câncer de pele. A radiação UV-C é considerada a mais deletéria, ou seja, a faixa germicida.

Para total eficácia, estes rodos devem ser utilizados durante 1 minuto em cada metro quadrado da superfície a ser descontaminada. A luz UV-C destrói a capa proteica e o material genético de qualquer vírus, aniquilando-o.

Esta fonte de luz UV-C também está sendo testada com êxito para, em conjunto com outros fatores, descontaminar por completo órgãos humanos para transplante, num trabalho de pesquisa realizado conjuntamente pelo IFSC e Universidade de Toronto (Canadá), já descrito em artigo científico publicado na revista Nature Communications.

¹Jornal da USP


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Pos Pandemic WAR

Pos Pandemic WAR

Última atualização 27 MAI, 12:10

MAIS LIDAS

Pandemic War