COBERTURA ESPECIAL - Pandemic War - Pensamento

22 de Março, 2020 - 14:55 ( Brasília )

Comentário Gelio Fregapani - O aproveitamento político da Pandemia



O aproveitamento político da Pandemia

 
 
Tom Clancy, famoso escritor a serviço da CIA, especializou-se em criar ficções sobre ameaças  geopolíticas aos EUA e sobre as medidas para as enfrentar, com suas consequências; assim escreveu sobre a guerra contra as drogas no livro “Perigo real e Imediato”, sobre o ataque às Torres Gêmeas no  livro “Dívida de Honra” e finalmente sobre uma pandemia  virótica provocada intencionalmente.

Claro, são obras de ficção, mas esses  fatos realmente ocorreram. Nos meios de “Inteligência” se acredita que Tom Clancy no livro ‘Ordem do Presidente” teria lançado um balão de ensaio para as antipáticas medidas a serem tomadas por ocasião  de uma pandemia, na estória do livro, provocada pelo Irã.
 
Talvez inspirado no livro, Eduardo Bolsonaro acusou a China de ter provocado a epidemia para prejudicar o Ocidente. O jovem Eduardo não foi o único a pensar assim, mas isto não parece provável. Nunca foi usada uma guerra bacteriológica nem no desespero da II Guerra, principalmente porque não se sabe até onde irá, mas sem dúvida houve um aproveitamento pela China da baixa do preço das ações das grandes empresas, medida pouco ética mas bastante prática, que se copiássemos poderíamos até reaver a Petrobras.

Certo, a China se aproveitou economicamente, mas quem tentou aproveitar-se politicamente foi o PT e seus aliados, que além de atribuir a culpa ao Presidente Bolsonaro, tudo fizeram para criar um  pânico e paralisar o País com objetivos menos éticos ainda.  
 
Consta que o DiasToffoli, presidente do STF, o Rodrigo Maia presidente da Câmara e o Davi Alcolumbre o presidente do Senado, juntamente com os chefes de  partidos de esquerda entre eles PSDB, PT, PCdo B e PSol, se reuniram e fizeram um pacto com alguns governadores como João Doria de SP e Wilson Witzel do Rio, entre outros, para derrubar a economia, proibindo abertura de bares, restaurantes,rodoviárias e circulação de ônibus e aviões entre estados do Brasil. Isso não é para prevenir o Covid19 e sim para arrebentar a economia do país desestabilizando o governo Bolsonaro e seus ministros.

Causando o caos eles irão alegarão que o Presidente perdeu as rédeas do governo e o comando, viabilizando a votação para o impeachment do presidente e como já foi autorizado por vídeo conferência os deputados do Centrão nem precisarão mostrar a cara para o povo quem votou a favor e quem contra. Ao mesmo tempo proporiam que o  vice Mourão não assumisse em caso de impedimento do Presidente.
 
 O acordo teria sido feito para voltarem com a velha política pagando alto por cada voto. Com isso assumiria o presidente da Câmara Rodrigo Maia com aval do STF. Estamos conscientes do acordo da Globo, Cultura, Estadão e Folha de São Paulo com Governadores destinando parte do dinheiro para combater o Covid19 em pagamentos desviados para atacar o governo. Dá para observar no GloboNews  a ênfase e visibilidade para Rodrigo Maia talvez parte desse dinheiro pagará a votação dos deputados.

As pessoas foram na manifestação do dia 15 porque estão insatisfeitas com os seus representantes no Congresso e com Ministros do STF e também  para apoiar o Presidente e suas propostas de reformas. Mesmo contrariando o Presidente, a despeito do perigo do coronavírus, das diversas recomendações e do medo imposto pelo noticiário, milhões de pessoas foram para a rua.

Talvez temendo manifestações governadores como Dória e Witzel procuram impedir toda atividade fora de casa, o que mesmo inibindo a epidemia causaria tal confusão que o Presidente teve que intervir, autorizando a liberação das atividades essenciais, estradas e aeroportos. Imediatamente foi tachado de omisso e irresponsável.

    
Naturalmente cabe ao Estado orientar as melhores práticas de saúde para a população, mas parece que alguns estão esquecendo que o confinamento absoluto causa demasiados danos e pode ser questionado. Na Itália não está dando certo. O Reino Unido apenas recomenda deixando que cada um decida por si esperando que alguma contaminação provoque a imunidade. Está resolvendo? -Não sabemos, mas o melhor pode estar no meio termo.

Bons hábitos de higiene e atividade física só podem fazer bem, mas está cada vez mais claro que as restrições desejadas por Dória visam mesmo um objetivo político: implantar crises econômicas que prejudiquem a administração de Bolsonaro e que o salvar vidas humanas é pouco mais que um pretexto.

Isto lembra o episódio da ruína das plantações de cacau na região de Ilheus, na Bahia. Visando quebrar o poder dos barões do cacau o PT trouxe uma peste – a “Vassoura de Bruxa”, então inexistente na área, isto acabou com as plantações e não quebrou o poder da aristocracia local entretanto, acabou com os empregos levando aos trabalhadores à miséria e o nosso País passou de segundo maior exportador para importador.

Tudo lembra que está no DNA do PT fazer qualquer coisa para alcançar o poder, independente das consequências. Bem, não muito diferente do DNA de outros partidos.

Que Deus Todo Poderoso nos guarde de acreditar na ladainha da politicalha.

Gelio Fregapani


VEJA MAIS