COBERTURA ESPECIAL - PROSUB S40 - Naval

22 de Novembro, 2019 - 16:40 ( Brasília )

Engenheiros da Ezute atuam no estaleiro da ICN no desenvolvimento dos submarinos brasileiros





A Fundação Ezute faz parte do projeto de construção dos cinco submarinos que estão sendo desenvolvidos pela Marinha do Brasil e que estão entre os mais modernos do mundo.

A Ezute atua como receptora no processo de transferência de tecnologia do Sistema de Combate, que opera e controla os armamentos da frota e participa no processo de testes e avaliação deste Sistema para que os submarinos possam ser recebidos pela Marinha.

Para a realização desse trabalho dentro do PROSUB – Programa de Desenvolvimento de Submarinos, a Ezute conta, hoje, com engenheiros treinados nos diferentes Subsistemas do Sistema de Combate, sendo sete deles na França, nas instalações da Naval Group. No Brasil, os engenheiros da Fundação Ezute atuam no estaleiro da ICN (Itaguaí Construções Navais), desde o início de 2019.

A equipe apoia a GCO – Gerencia de Comissionamento nas atividades relacionadas ao sistema de combate do submarino e de diversos sistemas, até a seu comissionamento aceite pela Marinha. Há engenheiros da Ezute que fazem também um acompanhamento das atividades dos técnicos da Naval Group, como complementação do programa de transferência de tecnologia.

“Estamos realizando, a bordo do submarino Riachuelo, verificação, testes e integração de equipamentos nos subsistemas que compõem o sistema de combate, bem como atividades de correção e atualização de documentação dos testes. Essa fase atual consiste na prontificação dos subsistemas para os testes de cais e de mar, que estão programados para o primeiro semestre de 2020”, explica Ricardo Reverdy, um dos profissionais da Fundação que participa do projeto.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


OTAN

OTAN

Última atualização 06 DEZ, 12:30

MAIS LIDAS

PROSUB S40