COBERTURA ESPECIAL - Especial MOUT - Aviação

26 de Setembro, 2017 - 09:20 ( Brasília )

FAB é acionada para missão de GLO no Rio de Janeiro

Tropas e aeronaves monitoram as principais vias de acesso à Comunidade da Rocinha

Tenente Aline Fuzisaki


A Força Aérea Brasileira (FAB) está atuando na missão de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), que ocorre no Rio de Janeiro (RJ). A tropa foi acionada na última sexta-feira (22/09), por volta das 11h30min e, às 14h45min, já estava fazendo o monitoramento das principais vias de acesso à Comunidade da Rocinha.

Ao mesmo tempo em que a tropa atuava na Comunidade, uma Aeronave Remotamente Pilotada (ARP) sobrevoou a região por mais de 10 horas, enviando informações para o Comando-Conjunto das Forças Armadas, que acompanhava toda a operação.

Além da ARP, um helicóptero também foi acionado para levar 32 soldados do Exército Brasileiro (EB) até o topo do morro, onde fica a Comunidade da Rocinha, em uma região de mata de difícil acesso. Durante a madrugada de sábado (23/09), após uma troca de tiros, os militares apreenderam armas, carregadores e munições.

Quatro suspeitos também foram presos durante a ação. Já no domingo (24/09), as tropas continuavam monitorando as principais via de acesso à Comunidade. Os militares seguirão atuando na Rocinha e as aeronaves estão de prontidão. Ao todo, são 130 combatentes da FAB envolvidos na ação de GLO, que ainda não tem previsão para terminar.


Efetivo do DECEA atua para garantir a segurança dos céus

Segurança no ar

Todas as vezes que as tropas da FAB são acionadas para a GLO e suas aeronaves entram em operação, como no Rio de Janeiro, o efetivo do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) também é acionado para garantir a segurança nos céus.

Enquanto a ARP sobrevoava a Comunidade da Rocinha, na última sexta-feira, e um helicóptero da FAB deslocava soldados do EB para o alto do morro, o DECEA trabalhava para que o espaço aéreo daquela região estivesse seguro para atuação das aeronaves militares, mas sem prejudicar o tráfego de aviões comerciais.

Essa operação, perfeita na coordenação entre aeronaves militares e civis, fica mais fácil pela característica única do Brasil de possuir um controle de tráfego aéreo integrado, o que proporciona um controle total e efetivo de todo nosso espaço aéreo, a qualquer momento e em qualquer lugar do nosso País.

Imagens da Comunidade da Rocinha captadas pelo ARP da FAB


Fotos: Agência Força Aérea / FAB

VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Guerra Informação e Híbrida

Guerra Informação e Híbrida

Última atualização 20 OUT, 19:20

MAIS LIDAS

Especial MOUT