COBERTURA ESPECIAL - LAAD 2017 - Geopolítica

05 de Abril, 2017 - 10:00 ( Brasília )

Vice-ministro da defesa italiano está no Brasil para visitar a LAAD e reunir, amanhã (6/4), empresários brasileiros e italianos do setor


Autoridades italianas realizam evento no Pavilhão 3 – L29, onde apresentam as inovações e novidades do setor de defesa e segurança da Itália e debatem necessidades de colaboração entre os dois países. Ontem (4), eles participaram da cerimônia de abertura da feira, encontraram autoridades brasileiras e visitaram as fabricantes italianas para conhecer as novidades e tecnologias.

Quando se fala nos setores de defesa e segurança é enorme o interesse dos italianos pelo Brasil. Há oito edições o país europeu participa da LAAD Defence & Security, que termina nesta sexta-feira (7) no Riocentro, Rio de Janeiro. E para reafirmar a parceria comercial, amanhã (6), Gioacchino Alfano, vice-ministro de Defesa italiano, e Antonio Bernardini, embaixador da Itália no Brasil, reúnem empresários dos dois países em encontro a ser realizado no Espaço oficial italiano.

O objetivo é fortalecer as relações bilaterais e demonstrar o know-how e inovações do país europeu nos campos militar e civil, além de tecnologias para aeronáutica, marinha e exército. A organização da participação do pavilhão é da ITA (Italian Trade Agency).

As autoridades italianas participaram, juntamente com 175 delegações e 83 países, da cerimônia de abertura do evento, que contou com a presença dos ministros Henrique Meirelles, da Fazenda, Raul Jugmann, da Defesa, e de Roberto Sá, secretário de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro.

“Este segmento representa 3% do PIB brasileiro, o que equivale a R$ 290 bilhões e gera 30 mil empregos diretos”, enfatizou Meirelles, ao reforçar também a retomada do crescimento econômico brasileiro e medidas para tornar o País mais competitivo, como a desburocratização na abertura de empresas. Em seguida, Alfano e Bernardini encontram-se com Jungman.

As novidades

Quatro empresas italianas estão no Brasil para mostrar suas novidades na LAAD.

A Explorer Cases exibe uma variedade de 35 tipos de malas de vedação total que protegem contra poeira, pó, água e gelo diferentes equipamentos bélicos e de comunicação, como telefones, radares e ferramentas.

Com tecnologias usadas na Europa, Oriente Médio e Ásia, a GEM Elettronica vê grande potencial no mercado brasileiro. Não à toa, a empresa participa pela terceira vez da LAAD Defence & Security e apresenta aos visitantes e especialistas uma mesa tática que pode ser usada para a navegação de navios, submarinos e transportes aquáticos em geral.

Também traz seus radares, GPSs marítimos, entre outras inovações voltadas para a Marinha. O vice-presidente da empresa Giovanni De Renzis acredita que o Brasil, apesar da crise, pode ser um grande parceiro comercial.

Especialista em acessórios e componentes para veículos de combate, a Imear fabrica mais de 100 tipos de lanternas e lâmpadas para a parte da frente, de trás, laterais e para o interior dos carros, além de peças como engates. Com presença praticamente global, a empresa participa pela primeira vez da LAAD Defence & Security e vê na feira uma oportunidade de entrar no mercado brasileiro.

Participando da LAAD Defence & Security pela segunda vez, a Sigma Consulting / Aten Is faz parte de um grupo de empresas italianas e mostra veículos aéreos não tripulados, como drones, e também de guerra eletrônica.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Modernização FAB

Modernização FAB

Última atualização 12 DEZ, 13:30

MAIS LIDAS

LAAD 2017