COBERTURA ESPECIAL - Guerra Hibrida Brasil - Editorial

18 de Maio, 2018 - 13:30 ( Brasília )

Editorial DefesaNet - Coup d´Etat tem de dar certo!



Editorial DefesaNet
O Coup d´Etat tem de dar certo!
18 Maio 2018

 
DefesaNet preparava o material da data de um ano da tentativa de Coup d´Etat (JJF&G ou traduzindo Joesley, Janot, Fachin & Globo), quando surge duas matérias notáveis.

O ex-Procurador-Geral Rodrigo Janot detalha as etapas, tentando responder aos pontos obscuros da delação da JBS.

E o próprio jornalista Lauro Jardim, articulador da parte midiática do Coup d´Etat, detalha com sua equipe as estratégias adotadas nas áreas de comunicação.

Ambos seguiram a lei da Selva de que o Marginal precisa contar seus feitos, reais ou inventados, para ter mais respeito e poder frente à gangue.

A partir da tarde, de 17 Maio 2017, um poderoso ataque midiático, com o objetivo de derrubar o governo Michel Temer. É importante ao leitor que veja com cuidado o vídeo produzido pelo próprio jornal O Globo com excepcionais detalhes.

Eram os primeiros passos de algo que a Sociedade Brasileira não conhecia. Uma própria ação de Guerra declarada por uma entidade contra o seu povo. A chamada Guerra Híbrida, até então conhecida pelos trabalhos do Pesquisador Frederico Aranha, ao detalhar as ações russas na Ucrânia. E os excepcionais textos do Gen Ex Pinto Silva contextualizando a Guerra Híbrida ao cenário brasileiro.

Fica claro que a agenda desta Guerra Híbrida atende a vários interesses:

1 – Desalojar de poder um governo que tinha feições mais de centro, e desestabilizaria as ações de esquerda implantadas no Brasil;

2 – Imobilizar o governo Temer de qualquer ação contra a Venezuela, enquanto o Foro de São Paulo se reorganizaria (ver
Exclusivo – A Guerra Híbrida Chegou ao Planalto Central Link);

3 – Aqui surge a necessidade destruir a imagem do Senador Aécio Neves, figura mais respeitada no exterior, como condutor de ações contra o governo bolivariano, e,

4 – O Governo Michel Temer avançava célere para dar uma nova feição ao quadro político e em especial recuperar a economia.


O público cético tem assistido de maneira passiva à destruição das principais conquistas que levaram ao Impeachment de Dilma Rousseff. TODAS as ações de mobilização dos brasileiros foram destruídas e ridicularizadas. Fica claro que o alvo é o POVO BRASILEIRO.

Porém há uma lei implacável para os conspiradores:


“Uma Conspiração deixa de ser Conspiração, se der certo.”


A tentativa recorrente de novas conspirações como a recente contra os Militares e a atual tentativa de desestabilizar a moeda Real.

Implacáveis o Grupo Globo busca não só a deposição do governo, mas sim atacar o POVO BRASILEIRO. Destruí-lo nas suas conquistas.

Um ano após, o Grupo Globo tenta quatro tentativas derradeiras:

 

1 – Imobilizar e desestabilizar os militares. Em especial após os famosos tuites do General Villas Boas;

2 - Imobilizar a sociedade brasileira com o incentivo à violência urbana;

3 - Com o Ministro do STF Roberto Barroso e setores mafiosos da Polícia Federal ataca de forma sistêmica o Presidente da República, e,

4– Ataque especulativo ao Real e à Economia Brasileira.


É um elevado ataque da Síndrome de “von Stauffenberg” a pleno.

O Coup d´Etat tem de dar certo!!!!






Video produzido pelo jornal O Globo. Esclarecedor e didático. Imperdível!

 

Matérias Relacionadas

Recomendamos visitar as Coberturas Especiais Guerra Híbrida e outras com inúmeras matérias que detalham as ações impantadas neste ano.


Dois artigos de O Globo publicados em 17 Maio 2018.

O GLOBO - Governo Temer acabou na noite de 17 de maio de 2017 Link

JANOT - Temer achava que era imune a qualquer investigação Link


Editorial DefesaNet

EDITORIAL - Síndrome von Stauffenberg Link

Matérias Gen Ex Pinto Silva

LUTA PELO PODER NO BRASIL - Nova via para a tomada do Poder de forma violenta Link

GenEx R1 Pinto Silva - O Brasil e a Guerra Híbrida no Pós Guerra Fria Link


 


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


CCT

CCT

Última atualização 19 OUT, 14:30

MAIS LIDAS

Guerra Hibrida Brasil