COBERTURA ESPECIAL - Modernização FAB - Aviação

17 de Agosto, 2017 - 10:10 ( Brasília )

No Recife, II COMAR tem novo Comandante

Estrutura da FAB em Pernambuco passa por transformações

Tenente Felipe Bueno


O Segundo Comando Aéreo Regional (II COMAR), localizado em Recife (PE), recebeu o novo comandante nessa terça-feira (15/08). O Brigadeiro do Ar Walcyr Josué de Castilho Araujo assumiu o cargo, substituindo o Major-Brigadeiro do Ar Luiz Fernando de Aguiar.

A cerimônia, presidida pelo Ministro da Defesa, Raul Jungmann, foi realizada na sede do II COMAR e contou com a presença do Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, e do Comandante de Preparo, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Egito do Amaral, entre outras autoridades civis e militares.

"É uma grande honra estar assumindo o II COMAR pela importância da Força Aérea aqui no Recife, notadamente neste momento em que nos preparamos para prosseguir na reestruturação. De forma alguma, diminuirá a importância que damos a esta cidade na estrutura da Força Aérea. Teremos e manteremos aqui, por muito tempo, as nossas organizações; apenas vamos mudar a conformação delas", pontuou o novo comandante do II COMAR, Brigadeiro Walcyr.

As Organizações Militares na capital pernambucana passam por modificações como parte do plano de reestruturação e modernização da Força Aérea Brasileira (FAB). Criado em 1941, o II COMAR encerrará suas atividades em breve.

A representação do Comando da Aeronáutica junto à comunidade na região será mantida com a presença de um oficial-general, que comandará o Terceiro Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle do Tráfego Aéreo (CINDACTA III).

O militar também será o comandante da Guarnição de Aeronáutica de Recife - situação semelhante à encontrada em Curitiba (PR) com o CINDACTA II. “O Recife está, certamente, envolvido com a reestruturação da Força Aérea. Aqui está uma unidade tradicional, com muita história, desde a Segunda Guerra Mundial, quando nós tínhamos o B-17.

Manteremos um CINDACTA, que controla toda a área atlântica, além de um hospital que atende mais de 20 mil pessoas”, ressaltou o Comandante da Aeronáutica. Dois esquadrões aéreos também estão mudando sua sede: o Esquadrão Carcará (1º/6º GAV), especializado em reconhecimento aéreo, foi transferido de Recife (PE) para Anápolis (GO) em janeiro deste ano.

Já o Segundo Esquadrão de Transporte Aéreo (2º ETA) será transferido para Natal (RN) até dezembro. Isso, porém, não diminuirá a atuação da FAB no Estado, inclusive, no primeiro semestre, a Força Aérea atuou na região, prestando socorro a vítimas da enchente na cidade de Barreiros, Zona da Mata de Pernambuco.


Fotos: Cabo André Feitosa/CECOMSAER

VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Crise

Crise

Última atualização 19 SET, 00:10

MAIS LIDAS

Modernização FAB