COBERTURA ESPECIAL - Eleições - Terrestre

19 de Junho, 2018 - 19:00 ( Brasília )

Villas Boas – Será o grande eleitor de 2018 ou Guardião da República?


 

Comandante do Exército recebe pré-candidatos

Artigo de O Globo

 

Bruno Góes, Maria Lima e Cristiane Jungblut

 
De olho no orçamento do Exército para os próximos anos, o general Eduardo Villas Bôas tem realizado uma série de conversas com os principais pré-candidatos à Presidência da República. Nas últimas semanas, o comandante conversou com Álvaro Dias (Podemos), Jair Bolsonaro (PSL) e Marina Silva (Rede).

Ontem, foi a vez do tucano Geraldo Alckmin e do pedetista Ciro Gomes. O petista Fernando Haddad ainda será convidado para falar com o general em nome do PT, já que o pré-candidato do partido, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, está preso em Curitiba. (Nota DefesaNet não há registro fotográfico da reunião do Gen Villas Boas com o Senador Álvaro Dias)

Segundo o próprio comando do Exército, esta é a primeira vez, desde a redemocratização, que o comando da caserna atua para defender a inclusão de projetos da instituição nos programas de governo dos postulantes ao Planalto. Nos encontros, Villas Bôas manifestou preocupação com a falta de dinheiro em projetos estratégicos.

Alguns dos exemplos citados são o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (Sisfron) e o treinamento de militares para ações de segurança e defesa nacional. O general tem destacado a importância do Exército na intervenção federal no Rio de Janeiro e durante a greve dos caminhoneiros.

- Já tivemos R$ 2,5 bilhões de orçamento em 2017. Neste ano, caiu para R$ 2 bilhões. O próximo ano pode ter só R$ 1,4 bilhão. Então, o comandante do Exército tem conversado com os pré-candidatos, num movimento sem precedentes na instituição, para reforçar a importância de investir em defesa - diz um general ligado ao comando do Exército.

__________________

 
Comentário DefesaNet

Será o Comandante do Exército, General-de-Exército Eduardo Villas Boas o grande eleitor de 2018 ou Guardião da Repúblia. Repete-se assim um fato histórico. Quando Getúlio Vargas, após sais do governo em 1945, retirou-se para a sua Fazenda Itú, em São Borja, no Rio Grande do Sul.

Logo tornou-se ponto de romaria de políticos, figuras do país e tornou-se o “grande eleitor” mesmo fora da política de forma oficial.

O Gen Ex Villas Boas, para desespero de muitos, em especial Grupo Globo, parece ser mais que o "Grande Eleitor", mas sim o "Fiador da República".

Há grande expectativa com a reunião com Fernando Haddad marcada para quarta-feira (20JUN2018). Notícias preliminares indicam que será recebido como emissário de Luis Inácio Lula da Silva.

Caso seja isso pavimenta a libertação na votação marcada para o dia 26JUN2018, no Supremo Tribunal Federal. Notícia do jornal Folha de São Paulo, de 17JUN2018, coloca a reunião neste sentido.

O interessante é a articulação que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso tem realizado para viabilizar as reuniões com os representantes da esquerda.

O Editor  

 

Leitura Recomendada

Editorial - O Líder: suas Certezas, Dúvidas e Solidão DefesaNEt Link

____________________________

Contatos com os demais presidenciáveis:
 










VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


PCC - Gangues

PCC - Gangues

Última atualização 21 JUL, 16:24

MAIS LIDAS

Eleições