25 de Janeiro, 2020 - 13:23 ( Brasília )

Editorial

DN - Gen Heleno - As Vidas de Bolsonaro / Comando Artilharia



 

DN - 01/20 - 24 Janeiro 2020
 
Newsletter enviada com apoio da Collins Aerospace


Editorial DefesaNet - Oligarcas, Segurança e Defesa

Parte final do Editorial de DefesaNet – “Oligarcas, Segurança e Defesa” publicado em 24JAN2020.
No total são R$ 2,47 Bilhões ou seja o fundão dos Oligarcas consome 80% dos recursos de Programas Estratégicos de Defesa.
O recurso da aeronave de transporte multimissão KC-390 alocado para os 4 anos do PPA 2020-2023, R$ 1,6 Bi é insuficiente para manter o programa KC-390, quanto mais, a sobrevivência da nova EMBRAER Defesa & Segurança.
Infelizmente a Administração Federal flerta constantemente com os Oligarcas. Vemos a cada dia a clássica obra “Os Donos do Poder” (Formação do patronato político brasileiro), de Raymundo Faoro, com uma nova página. Talvez psicografada pelo autor em tentar manter sua obra atualizada. 
Leia a íntegra

Editorial DefesaNet - Oligarcas, Segurança e Defesa Link

_____________


 

Gen Heleno – As Vidas de Bolsonaro

O Ministro-Chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), da Presidência da República, Gen Ex Augusto Heleno, afirma sempre para interlocutores, que sua missão é manter o Presidente Jair Bolsonaro vivo. O general Heleno pensa na vida física. DefesaNet afirma que sua missão também é de manter e garantir a Vida Política” do Presidente, de seus próprios ataques.

_______________________

 

Comando Artilharia

No dia 29 de janeiro de 2020, às 10:30h, será realizada a solenidade militar de inauguração do Comando de Artilharia do Exército no Forte Santa Bárbara, em Formosa (GO).
O Comando de Artilharia do Exército é um Grande Comando de Artilharia concebido no escopo do Programa Estratégico do Exército ASTROS 2020. Sua criação faz parte do processo de transformação do Exército que visa ampliar as capacidades operacionais e o poder de dissuasão da Força Terrestre.

Inauguração do Comando de Artilharia do Exército Link

___________________________


 

Imposto do Pecado

O Ministro da Economia Paulo Guedes anunciou em Davos, que sua equipe prepara mudanças na cobrança de impostos e faz simulações para verificar quais os resultados possíveis de arrecadação com a tributação de produtos que podem fazer mal à saúde.

O chamado "imposto do pecado" poderia vir em itens como cigarros, bebidas alcoólicas e alimentos processados com açúcar. 

DefesaNet recomenda a leitura do insuperável Prof  Pery SHIKIDA. A super taxação do cigarro leva ao contrabando de falsificações mais prejudiciais que o original. E o governo não fatura nada.
Pery SHIKIDA - Cigarros - Comentários à matéria da FSP Link

___________________________


 

Coronavirus

O órgão controlador da internet responsável pelos centros de pesquisa e as universidades, a China Education and Research Network (CERNET), adotou um procedimento de controle da internet na cidade de Wuhan.

A conexão da web é interrompida nas universidades, entre a meia-noite e as 6 horas da manhã, desde o dia 22JAN2020. As autoridades não querem divulgação de informações, que não estejam totalmente sob controle.

 

___________________________

 

Argentina

O presidente Jair Bolsonaro criticou no Facebook (23JAN2020), alterações feitas pelo presidente Alberto Fernandes nas Forças Armadas da Argentina.
Porém, o presidente não mencionou uma alteração que terá repercussão no Brasil. A retirada dos militares das missões contra o narcotráfico e vigilância de fronteiras.
As mudanças estão dentro do proposto por Cristina Kirchner que como plataforma propõe um controle total dos militares. Não quer uma repetição do que aconteceu na Bolívia.


BR-AR: Maia na Argentina sinaliza conflitos futuros Link

Bolsonaro critica presidente da Argentina por plano que altera poderes de militares Link

___________________________


 

Leitura Recomendada
Gen Ex Pinto Silva - Insurgência Moderna

 

General Pinto Silva analisa a Insurgência Moderna e que tem um nome: Guerra Híbrida
É inconcebível nos conflitos modernos e, também, nas lutas políticas pelo poder, uma postura de menosprezo em relação à novas ideias, e, ainda, os líderes terem atitude de descrédito com as novas formas de guerra, e com a nova via violenta para a Tomada do Poder.
Para a revolução ser vitoriosa não bastam a indignação e a revolta popular. É preciso, antes de tudo, que o movimento de massas seja guiado por uma teoria revolucionária e dirigido por uma vanguarda organizada.Tal lição foi sintetizada por V.I. Lênin, líder da Revolução Socialista Soviética, de 1917, na frase “sem teoria revolucionária não há movimento revolucionário”.

Gen Ex Pinto Silva - Insurgência Moderna Link

___________________________

 
 
 

 

VEJA MAIS