COBERTURA ESPECIAL - DQBRN - Naval

25 de Junho, 2019 - 11:25 ( Brasília )

Instrução sobre Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica é realizada em Salvador-BA




O Grupamento de Fuzileiros Navais de Salvador-BA (GptFNSa) ministrou instrução sobre Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica (DefNBQR), entre os dias 12 e 14 de junho.

O adestramento teve como propósito reforçar conceitos, treinar militares componentes da Equipe de Resposta Distrital e de outras organizações militares e facilitar a troca de experiência com órgãos de segurança pública. Foram abordados temas como identificação e detecção de agentes NBQR, montagem de equipe resposta, descontaminação de pessoal, acidentes com múltiplas vítimas e instruções práticas, como utilização de máscaras e roupa e simulação de um ataque.

Conforme acordo de cooperação entre a Marinha do Brasil e a Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia, foram disponibilizadas vagas para agentes estaduais da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Técnica, de modo a atender às necessidades de capacitação daquele órgão.



De acordo com o perito criminal Arnaldo Gomes, além do conhecimento técnico adquirido, a uniformização dos conhecimentos é indispensável. “Este tipo de instrução em conjunto com outras instituições é vital para a padronização de procedimentos.

Posso resumir esta instrução em uma palavra: integração. Em caso de um evento real, teremos que trabalhar todos juntos – Marinha, Polícia, Bombeiros, etc”, afirmou. O Comandante do GptFNSa, Capitão de Fragata (FN) Alexandre Soares, encerrou a instrução lembrando aos alunos que os recentes grandes eventos realizados no País exigiram equipes sempre prontas e preparadas para atender quaisquer casos de acionamento de equipes de DefNBQR.


VEJA MAIS