COBERTURA ESPECIAL - Doutrina Militar - Defesa

09 de Novembro, 2018 - 16:25 ( Brasília )

ECEME-EGN-ECEMAR - Conclusão do Exercício Conjunto AZUVER 2018

O exercício AZUVER 2018 buscou a Interoperabilidade entre as Forças



No último dia 8, foi concluída a 28ª edição do Exercício Conjunto AZUVER, envolvendo alunos da Escola de Guerra Naval (EGN), do 2º ano da Escola de Comando e Estado-Maior do Exército (ECEME)e da Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).
 
A cerimônia de encerramento transcorreu no auditório da ECEME e contou com a presença de importantes autoridades na área do ensino das três Forças:

 

- General-de-Divisão Edson Diehl Ripoli – Comandante da ECEME;
- Contra-Almirante Sérgio Fernando de Amaral Chaves Junior, Diretorda EGN;
- Brigadeiro-do-Ar Flávio Luis de Oliveira Pinto, Comandante da ECEMAR;
- Contra-Almirante RM1 Reginaldo Gomes Garcia dos Reis, Superintendente de Ensino da Escola de Guerra Naval, e do,
- General-de-Brigada R1 Joao Cesar Zambão da Silva, Presidente da Comissão Interescolar de Doutrina de Operações Conjuntas do MD.

 
Ao longo de 7 semanas, 351 alunos e 52 instrutores das escolas de Estado-Maior da Marinha, do Exército e da Força Aérea trabalharam em exercício de simulação construtiva, na modalidade duplação, no qual dois contendores enfrentam-se com liberdade para atuar no jogo de guerra.

Além das 3 escolas que sediaram a atividade, o AZUVER recebeu apoio de diversas Organizações Militares, que gentilmente colaboraram com pessoal e/ou material: Ministério da Defesa, Escola Superior de Guerra (ESG), CECOMGEx, CECOMSAER, Comando Militar do Leste, CIMF, BEsCom e Cia Com Pqdt.


 

Delegação da ESG - Foto - ECEME


Comitivas nacionais e internacionais acompanharam o andamento das ações, dentre as quais se destacam as comitivas militares de nações amigas dos Estados Unidos da América, do Paraguai e do Peru. No âmbito nacional, as comitivas do Curso de Estado-Maior Conjunto da ESG, de professores da ESG,  e do Curso de Direção e Estado-Maior da ECEME prestigiaram o evento.

Autoridades do Departamento de Educação e Cultura do Exército (DECEx) abrilhantaram a simulação. O Gen Bda R1 João Henrique Carvalho de Freitas, Chefe da Assessoria de Doutrina do DECEx; e o Gen Bda R1 Ronaldo Pierre Cavalcanti Lundgren, Assessor de Planejamento Estratégico/Diretoria de Educação Superior Militar assistiram apresentações dos planejamentos e da execução do exercício conjunto AZUVER 2018.



Coletiva de Imprensa Foto - ECEME


O principal enfoque da atividade foi a condução de operações conjuntas, no nível operacional, sendo ainda trabalhado o nível tático, por meio do estabelecimento de Forças Componentes tradicionais (Naval, Terrestre e Aérea), além de Força Conjunta de Operações Especiais, Força Conjunta de Guerra Cibernética e do Comando Logístico do Teatro de Operações.

Para a execução das manobras, foram empregados diversos sistemas de simulação de combate existente nas Forças Armadas, como SIPLOM (Sistema de Planejamento Operacional Militar), APOLO, SIMULADOR AZUVER-ECEME-COTER, Site Simulado do CECOMSAER, e outras ferramentas virtuais de cada Força. Essa simulação integrada permite a aplicação dos conhecimentos adquiridos ao longo dos respectivos cursos de Comando e Estado-Maior, promovendo, ainda, a interoperabilidade entre as Forças Armadas.
 


 

Delegação americana Foto - ECEME




Delegação do Paraguai. Ao fundo à direita a imagem da Agência Noticiosa NNC, fictícia, que gera notícias e eventos que repercutem no Exercicio AZUVER2018. Foto - ECEME


 

Delegação do Peru Foto - ECEME


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


DQBRN

DQBRN

Última atualização 18 NOV, 22:30

MAIS LIDAS

Doutrina Militar