COBERTURA ESPECIAL - Cyberwar - Terrestre

13 de Dezembro, 2019 - 10:50 ( Brasília )

Mapeamento de conhecimentos do Projeto Backbone Nacional do Sistema de Telemática do Exército


A Agência de Gestão e Inovação Tecnológica (AGITEC) concluiu, no Centro Integrado de Telemática do Exército (CITEx), as entrevistas atinentes ao trabalho de mapeamento de conhecimentos relativos ao Projeto Backbone Nacional.

A iniciativa, no campo da gestão do conhecimento, foi estruturada para aperfeiçoar o entendimento do fluxo de conhecimentos relativos ao Projeto Backbone Nacional, um empreendimento do Sistema de Telemática do Exército (SisTEx).

O 2º Centro de Telemática de Área (2º CTA) foi a organização militar (OM) piloto do trabalho, cujos dados foram coletados no período de 14 a 17 de outubro de 2019, por integrantes da Seção de Gestão de Conhecimento Científico-Tecnológico (SGCCT), vinculada à AGITEC.

As informações das entrevistas, finalizadas pelo Capitão Rafael Hidalgo Olivieri, adjunto da SGCCT, serviram de parâmetro para a continuidade do trabalho em outras OM do SisTEx, a saber: 51º Centro de Telemática (51º CT), 11º Centro de Telemática (11º CT), 41º Centro de Telemática (41º CT) e do próprio CITEx.

Antes de aplicar o mapeamento nas OM citadas, contudo, os resultados do piloto foram apresentados no dia 4 de novembro, pelo Major Elson Oximenes Alves, chefe da SGCCT, ao então chefe do CITEx, General de Brigada Alexandre Fernandes Lobo Nogueira, e chefes de suas organizações militares diretamente subordinadas, durante a 28ª Reunião de Chefes de Organizações Militares de Telemática (XXVIII RECOMT).

Na oportunidade, foi ressaltado o ineditismo da iniciativa e foi aprovado o andamento dos trabalhos. Em prosseguimento ao mapeamento, integrantes da SGCCT visitaram o 51º CT e o 11º CT, no período de 11 a 14 de novembro de 2019, e o 41º CT, no período de 25 a 28 de novembro de 2019.



A coleta de informações transcorreu por meio de planilhas estruturadas acerca dos conhecimentos mais críticos do Projeto Backbone Nacional em cada OM, além de abordar conceitos de gestão do conhecimento.

Ao final de cada ciclo de coleta de dados, os resultados parciais eram apresentados à equipe da OM entrevistada, que tinha a oportunidade de colaborar com o trabalho por meio de pesquisa de opinião aplicada, permitindo, assim, que as lições aprendidas já pudessem ser utilizadas na coleta de dados da próxima OM.

Para viabilizar a análise das diversas informações coletadas acerca dos 47 conhecimentos mapeados, junto aos 40 entrevistados, o mapeamento realizado será disponibilizado na forma de painéis dinâmicos, possibilitando que cada usuário interaja com os dados e possa fazer suas próprias análises.

As próximas etapas do trabalho englobam o tratamento de dados, a confecção de relatórios, a validação dos dados junto às cinco OM participantes do trabalho e o planejamento para a continuidade nas demais OM do SisTEx no âmbito do projeto Backbone Nacional.

Os benefícios vislumbrados com o mapeamento de conhecimentos são o compartilhamento de conhecimentos entre setores e OM; a manutenção de conhecimentos em situações de movimentação de pessoal, transferência de militares para a reserva ou designação para a realização de cursos; a integração de conhecimentos; a mitigação de retrabalhos; a gestão de recursos humanos voltada para as atividades finalísticas; e o suporte à decisão, entre outros.

Fotos: AGITEC


Outras coberturas especiais


KC-390

KC-390

Última atualização 19 JAN, 01:20

MAIS LIDAS

Cyberwar