COBERTURA ESPECIAL - Argentina

10 de Dezembro, 2014 - 19:01 ( Brasília )

Confirmado DefesaNet - Argentina compra quatro super-rebocadores polares da Rússia


 

Nota DefesaNet

DefesaNet Confirmed - Argentina buys four polar super-tugs from Russia Link

O Editor


Nelson Düring
Editor-Chefe DefesaNet


O Ministro de Defesa da Argentina, Agustín Rossi, através da Armada Argentina, assinou o contrato de compra de compra de quatro Rebocadores Polares Classe NEFTEGAZ, de origem russa. O anúncio ocorreu no dia  04DEZ 14 em Buenos Aires.

Confirma-se assim a matéria publicada com exclusividade por DefesaNet, através de artigo do jornalista Roberto Lopes em Abril, de 23 de Maio 2014 (EXCLUSIVO: Buenos Aires se prepara para escalar crise no Atlântico Sul Link) e também a importante matéria sobre o silêncio de Buenos Aires (Silêncio do Kirchnerismo aumenta mistério dos super-rebocadores Link)

 

Um Resumo - "Oficialmente, os navios estão sendo comprados – a um custo total estimado em US$ 50 milhões – para substituir os velhos rebocadores americanos do tempo da 2ª Guerra Mundial, que os militares argentinos classificam de Avisos e usam para fazer o patrulhamento de suas águas austrais, do Estreito de Magalhães e das áreas marítimas próximas ao pólo sul.

Mas DefesaNet apurou que essas embarcações foram projetadas para manobrar e posicionar plataformas petrolíferas em alto-mar, o que as habilita a participar de missões de interceptação e captura das plataformas petrolíferas que estiverem se deslocando rumo ao arquipélago das Malvinas, em desafio à resolução do governo de Buenos Aires de impedir a exploração, pelos britânicos, do óleo existente no subsolo marinho contíguo ao território insular."

Matéria EXCLUSIVO: Buenos Aires se prepara para escalar crise no Atlântico Sul Link

Até a matéria de DefesaNet o assunto era mantido em segredo por Buenos Aires. As tentativas de contato com o Ministério da Defesa da Argentina e do próprio Senado Argentino nunca tiveram resposta clara.

O custo anunciado pelo Ministério de Defesa da Argentina é de U$D 8.167.500. Porém fontes russas mencionam o valor para os 4 super-rebocadores  em até U$D 50 milhões de dólares.

Segundo informe da Armada Argentina os super-rebocadores chegariam em meados do ano de 2015 e substituiriam outras unidade que já foram desativadas ou apresentam uma baixa disponibilidade operacional devido a ao tempo de operação. Segundo o informe da Armada deverão proporcionar maior segurança à navegação de forma mais econômica e com meios mais atuais.

Os super-rebocadores permitirão que o Serviço Naval incorpore varias atividades em águas Antárticas, tais como SAR (Búsqueda y Rescate) na área marítima de responsabilidade da Argentina (14 milhões de km2 ), Reboque e Salvamento, Patrulha até as 350 milhas náuticas e Controle dos Espaços Marítimos, Apoio à Comunidade com atenção sanitária e Apoio à Pesquisa Científica.

Assim permitirá realizar la contenção e redução de grandes acidentes ambientais; efetuar a Patrulha Antártica Naval Combinada (PANC), com maior capacidade e flexibilidade o apoio logístico mais atividades nos litorais marítimos atlântico, antártico e litoral fluvial.

Desconhece-se o estado da maquinaria e equipamentos de navegação. Certamente requererão uma modernização para atender aos padrões da Armada Argentina.

As unidades adquridas à Rússia são os Super-rebocadores :

TUMCHA;
NEFTEGAZ-51;
NEFTEGAZ-57, e,
NEFTEGAZ-61.

 

Detalhes dos Super-Rebocadores


Dimensões:

Comprimento  81,37 m
Largura  16,30 m
Calado  5 m.
Deslocamento  2.723 t
Tripulação: 30 pessoas

 
Os Super-Rebocadores Classe Neftegaz foram construídos por encomenda da então União Soviética, nos estaleiros poloneses, em Gdansk, nos anos 80. Ao todo foram construídos 55 naves nesta classe.

Muitos foram desativados por falta de peças de reposição.

 
Matérias Relacionadas:

Silêncio do Kirchnerismo aumenta mistério dos super-rebocadores Link

EXCLUSIVO: Buenos Aires se prepara para escalar crise no Atlântico Sul Link


Malvinas - Falklands - A falência do pensamento estratégico argentino Link

ZOPACAS - Defesa em Debate - Atlântico Sul: e se não for um projeto político só da ZOPACAS? Link

PAMPA AZUL – Programa para pesquisar o Mar Argentino Link



Outras coberturas especiais


Vant

Vant

Última atualização 24 JUL, 23:00

MAIS LIDAS

Argentina